Search
Close this search box.
Home / Assuntos / Sermões / 13 sermões notáveis ministrados por Jesus Cristo 

13 sermões notáveis ministrados por Jesus Cristo 

O ensino por meio de sermões foi uma característica marcante do ministério de Jesus. Ele utilizou esta forma de comunicação para transmitir seus ensinamentos, apresentar o Reino de Deus e desafiar as normas religiosas e sociais da época.

Abaixo, apresentaremos uma visão geral dos sermões mais notáveis de Jesus, conforme registrado nos Evangelhos:

1. Sermão do Monte (Mt 5:1-7.29)

Um dos discursos mais famosos de Jesus, este sermão contém as bem-aventuranças, instruções sobre a oração (incluindo o Pai-Nosso) e uma variedade de ensinamentos sobre ética e moralidade.

2. Comissão dos Apóstolos (Mt 10.1-11.1)

Jesus envia seus discípulos para pregar, curar e expulsar demônios, dando-lhes instruções específicas sobre como proceder em sua missão.

3. Sermão em Parábolas (Mt 13.1-52; Mc 4.1-24)

Utilizando histórias simbólicas, Jesus explica os mistérios do Reino de Deus, incluindo a famosa Parábola do Semeador.

4. A Vida da Comunidade (Mt 18.1-35)

Neste discurso, Jesus discute questões como a grandeza no Reino dos Céus, o perdão e como tratar os irmãos na fé.

5. Sobre os Fariseus e Mestres da Lei (Mt 23.1-39)

Jesus critica abertamente os líderes religiosos da época, chamando-os de hipócritas e advertindo sobre seus erros.

6. Sobre o Fim dos Tempos (Mt 24.1-25.46)

Este sermão apocalíptico aborda a destruição do Templo, sinais do fim dos tempos e parábolas sobre a vinda do Reino de Deus.

7. Sermão na Planura (Lc 6.17-49)

Semelhante ao Sermão do Monte, mas com diferenças em conteúdo e contexto, apresentando ensinamentos como “Ame seus inimigos”.

8. Vários Ensinos (Lc 15.1—17,10; 17.20-18.14)

Aqui encontramos parábolas famosas, como a do Filho Pródigo, e ensinamentos sobre fé, serviço e oração.

9. O Pão da Vida (Jo 6.22-59)

Jesus apresenta-se como o “pão da vida”, discutindo a importância da fé e da comunhão com Ele.

10. A Água Viva (Jo 7.37-44)

Durante a Festa dos Tabernáculos, Jesus declara ser a fonte de “água viva”, simbolizando o Espírito Santo.

11. Sermão na Festa dos Tabernáculos (Jo 8.12-52)

Jesus se apresenta como a “luz do mundo” e debate com os líderes judeus sobre sua identidade e missão.

12. O Bom Pastor (Jo 10.1-18)

Jesus descreve-se como o Bom Pastor que cuida e dá a vida pelas suas ovelhas, contrastando-se com aqueles que não têm genuíno cuidado pelo rebanho.

13. Depois da Última Ceia (Jo 13.12-20,31-35; 14.1-16.33)

Em seus momentos finais com os discípulos, Jesus compartilha profundas verdades sobre a relação deles com Ele, o Espírito Santo e o Pai, além de instruções para após sua partida.

Conclusão

Ao explorar estes sermões, é possível perceber a profundidade e abrangência dos ensinamentos de Jesus.

Cada sermão reflete a missão divina de Cristo e oferece valiosas lições para todos os seguidores, guiando-os em sua jornada espiritual.

Referências bibliográficas

Bíblia. Português. Bíblia de Estudos Almeida. Tradução de João Ferreira de Almeida. 2ª edição, São Paulo: Sociedade Bíblica do Brasil, 1999.

Leia Também:

O que é Homilética Bíblica?

Artigos Relacionados

Compartilhe:

Índice

Mais Populares

apostolo-paulo

33 fatos relevantes da vida do apóstolo Paulo

diferenças-entre-sumo-sacerdotes-sacerdote-e-levita

Diferenças entre sumo sacerdote, sacerdote e levita.

biblia-palavra-de-deus

A Bíblia é ou ‘contém’ a palavra de Deus?

genealogia

Por que existem duas genealogias de Jesus na Bíblia?

30-coisas-que-o-cristão-NÃO-deve-fazer

30 coisas que o cristão NÃO deve fazer

WhatsApp
Entre para o nosso grupo do WhatsApp e receba os nossos conteúdos no seu celular.